Saúde mental para todos

Atenção especial aos idosos durante a pandemia

Atenção especial aos idosos durante a pandemia

Enquanto todas as pessoas estão a ser afetadas pela Covid-19, há um grupo que merece a nossa especial atenção - os idosos. São vários os fatores que podem afetar a sua saúde mental, particularmente:

O isolamento. É um fator de risco de doença física e mental. Os idosos são uma população vulnerável, com contactos restritos, excluídos das tecnologias e por isso menos apoiados. A atual ausência de contactos que outrora eram um suporte social fundamental (como os vizinhos, as comunidades religiosas e alguns serviços sociais considerados agora como "não essenciais") está a deixá-los mais isolados.

A saúde física. Ser mais velho e ter doenças crónicas são critérios de "alto risco" para a Covid-19. Conhecer este facto é assustador e pode agravar o stress que muitos sentem.

A saúde mental. A ansiedade e a depressão são frequentes na terceira idade. O stress da Covid-19, a incerteza que ela cria e o potencial de serem mais suscetíveis ao vírus podem exacerbar o risco destas doenças.

A perda e o luto. A Covid-19 é uma ameaça de perdas e lutos súbitos, despedidas impossibilitadas e de perceção da morte iminente.

Apoiar e proteger os idosos é da responsabilidade de todos. Algumas coisas que pode fazer:

Contacte regularmente os seus entes queridos mais velhos, pergunte como se sentem e de que forma lidam com o stress;

Faça-lhes recados na rua, ofereça-lhes uma refeição, passeie-lhes o cão;

Incentive-os a manter atividades que gostem;

Ajude-os a procurar apoio médico se tiverem sintomas de doença física ou mental;

Expresse gratidão por qualquer apoio que obtenha deles. Deixe-os saber que os admira e lhes reconhece sabedoria.

Lembre-se, não há saúde sem saúde mental.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG