O Jogo ao Vivo

Autoeuropa

Costa lança Marcelo para um segundo mandato presidencial

Costa lança Marcelo para um segundo mandato presidencial

Em visita à fábrica da Autoeuropa, esta quarta-feira, o primeiro-ministro falou de uma recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa, ao referir que ambos estariam presentes numa visita à empresa num segundo mandato presidencial.

"Proponho que a data para a terceira visita seja para o ano, no primeiro ano do segundo mandato do Presidente da República", disse Costa aos jornalistas, após uma visita de hora em meia à fábrica da Autoeuropa, em Palmela. Com Marcelo Rebelo de Sousa ao seu lado, o primeiro-ministro disse que esperava que os dois estivessem presentes, com os mesmos cargos, numa terceira visita à empresa no primeiro dia do segundo mandato do Presidente da República, em 2021.

Desta forma, e sem que alguma vez Marcelo tenha confirmado ou desmentido a sua intenção de se recandidatar, António Costa lançou o desafio ao atual chefe de Estado. "Foi assim em 2016, no primeiro ano de mandato do Presidente da República, e foi agora no último ano do seu atual mandato", explicou o primeiro-ministro, que fez questão de salientar que a terceira visita seria feita em conjunto e para partilhar "uma refeição com os colaboradores da Autoeuropa".

Sendo que ainda persistem as dúvidas de quem o Partido Socialista (PS) vai apoiar nas próximas eleições presidenciais, caso Marcelo se recandidate, Costa mostrou publicamente agrado de ver novamente o atual Presidente da República num segundo mandato.

Após ouvir António Costa, Marcelo disse que estaria na empresa nos próximos anos, apesar de não comentar diretamente a afirmação do primeiro-ministro. "Nós vamos ultrapassar esta pandemia e os efeitos económicos e sociais este ano, no ano que vem, nos anos próximos. E eu cá estarei, e cá estaremos todos, porque isto é um espírito de equipa que se formou e que nada vai quebrar. Cá estaremos este ano e nos próximos anos a construir um Portugal melhor", disse o Presidente da República.