Debate no Parlamento

O "mea culpa" de Costa sobre o Natal e o apelo de Marta Temido

O "mea culpa" de Costa sobre o Natal e o apelo de Marta Temido

O primeiro-ministro esteve esta terça-feira no parlamento para o primeiro debate do ano, com a pandemia de covid-19 em níveis máximos e o país de novo em confinamento.

António Costa admite que perante a realidade dos números atuais não teria aligeirado as medidas no Natal. E irá fechar as escolas, caso a variante inglesa do coronavírus se torne dominante. A Direita levou o caso do procurador europeu ao debate e Costa falou em campanha para "estragar" arranque da Presidência portuguesa da UE.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG