Segurança infantil

Criar ruas mais seguras para as crianças brincarem

Criar ruas mais seguras para as crianças brincarem

O Dia Nacional da Segurança Infantil (DNSI) celebra-se esta segunda-feira, dia 23 de maio, em mais de 50 escolas espalhadas de norte a sul do país. A Associação Para a Promoção da Segurança Infantil (APSI) pretende celebrar "presencialmente e em força" este dia, com três grandes atividades: "Ruas que Brincam"; "Incubadora do Brincar" e a campanha #aruaéminha.

A segurança infantil, como a APSI a entende, passa por garantir que as crianças crescem num ambiente saudável onde brincam livremente, de forma segura e autónoma. Por isso, a edição de 2022 vai ser celebrada "presencialmente e em força", de norte a sul do país, promovendo a mobilidade suave, ativa e a ocupação do espaço público.

"A primeira atividade, Ruas que Brincam, prevê um corte de estrada temporário para que a rua à porta da escola se destine, exclusivamente, à brincadeira", afirma a APSI em comunicado. O objetivo é chamar a atenção para a quantidade de carros que circulam, nas horas de entrada e saída, num espaço que devia ser seguro para as crianças.

Já a "Incubadora do Brincar" incentiva as crianças a recorrerem a materiais soltos que se encontrem no espaço público para integrar nas suas brincadeiras. "A intenção é que não tenham nenhum objetivo educativo específico, para que elas próprias possam, através da criatividade e imaginação, encontrar o propósito da sua brincadeira".

Finalmente, a campanha #aruaéminha visa promover "uma mobilidade ativa, saudável e sustentável". Para isso, as crianças vão avaliar o espaço envolvente da escola e "identificar quais os maiores obstáculos à deslocação livre e segura, pensar em soluções para as dificuldades identificadas e criar materiais para sensibilizar os adultos da comunidade".

A APSI também incentivou as escolas a participarem nesta iniciativa mediante a oferta do KIT DNSI, que foi entregue às 30 primeiras escolas que se inscreveram. "Estes contêm materiais que auxiliam a implementação das dinâmicas, bem como a sua divulgação e, claro, o GOBI (ursinho, mascote da APSI) que não podia faltar à festa", afirma. No seu site, a APSI disponibiliza mais informações sobre como as escolas podem se inscrever para o Dia Nacional de Segurança Infantil.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG