Covid-19

Aulas recomeçam a 10 de janeiro. Teletrabalho obrigatório até dia 14

Aulas recomeçam a 10 de janeiro. Teletrabalho obrigatório até dia 14

O Conselho de Ministros reuniu-se, esta quinta-feira, um dia depois de Governo e Presidente da República terem ouvido os especialistas na sede do Infarmed, em Lisboa, sobre a situação pandémica.

Escolas

-Recomeço das aulas a 10 de janeiro;

-Não há isolamento de turmas;

-Testagem nas próximas 2 semanas;

Isenção de testagem no acesso a locais ou eventos para quem tenha dose de reforço há mais de 14 dias.

PUB

Dose de reforço surgirá no certificado digital 14 dias após a inoculação.

O certificado digital continua a ser necessário no acesso a:

- Restaurantes;

- Estabelecimentos turísticos;

- Espetáculos culturais;

- Eventos com lugares marcados;

- Ginásios;

Não há limitação da lotação de salas de espetáculos.

Testagem obrigatória (para quem não tem dose de reforço)

-Visitas a lares;

-Visitas a pacientes internados em estabelecimentos de saúde;

-Grandes eventos e eventos sem lugares marcados ou em recintos improvisados;

-Recintos desportivos (salvo decisão da DGS);

Manutenção do controlo nas fronteiras

- Teste negativo obrigatório para todos os voos que cheguem a Portugal;

- Sanções para as companhias de aviação;

Nova norma DGS:

-Isolamento só de positivos e coabitantes;

-Pessoas com dose de reforço isentas de isolamento;

-267.315 pessoas com período de isolamento terminado ou reduzido devido a esta mudança;

-Acaba o isolamento para contactos com caso positivo no trabalho;

O teletrabalho vai ser obrigatório até dia 14 de janeiro e passa a ser recomendado a partir dessa data.

Bares e discotecas

-Reabertura no dia 14/01;

-Exigência de teste para acesso;

-Proibição de consumo de bebidas alcoólicas na via pública;

Lojas

-Podem avançar com saldos e promoções a partir do dia 10;

-Restrição de um cliente por cada cinco metros quadrados.;

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG