Espaço aéreo

Drone parou Aeroporto do Porto por 40 minutos

Drone parou Aeroporto do Porto por 40 minutos

Os movimentos estiveram suspensos esta quinta-feira à tarde, no Aeroporto do Porto, na sequência do "avistamento de um drone" no espaço aéreo utilizado pela infraestrutura. Um voo da Turkish Airlines teve de ser desviado para Lisboa e dezenas de outros voos aguardaram, no ar ou em terra, enquanto as autoridades procuravam o objeto voador.

Segundo a NAV Portugal, entidade responsável pela gestão do espaço aéreo nacional, "um comandante de um voo que tinha acabado de descolar do Porto reportou ter avistado um drone, a 5 mil pés de altitude [cerca de 1,5 km]". Acionado o protocolo para a situação, "as autoridades suspenderam as operações e procuraram avistar o drone, sem sucesso".

Durante cerca de 40 minutos, entre as 14.10 horas e as 14.50 horas, nenhum avião descolou ou aterrou no Porto, obrigando a divergir uma aterragem da Turkish Airlines para Lisboa e deixando dezenas de voos a aguardar, em terra ou no ar, até que fosse descartado o perigo, que ficou por confirmar.