Marinha

Pescadores e biólogo do barco desaparecido foram localizados e estão a salvo

Pescadores e biólogo do barco desaparecido foram localizados e estão a salvo

Os nove pescadores e o biólogo que estavam incontactáveis desde as 23.50 horas de quarta-feira foram localizados e estão bem.

A embarcação foi identificada como "Parma", está registada na Horta, nos Açores, mas a tripulação e o mestre são da zona de Peniche. Terá a bordo dez tripulantes.

Apurou o JN que o mastro da embarcação partiu na sequência de uma onda mais forte, deixando os tripulantes sem contactos.

Duas embarcações que estavam próximas dirigiram-se para o local de onde foi emitido o alerta e não encontraram nada no local. Como o barco estava operacional, os tripulantes decidiram regressar a terra, deixando o local em que realizaram o último contacto.

O alerta foi recebido no Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada, através da boia transmissora do sinal de emergência (EPIRB - Emergency Positioning-Indication Radio Beacon), a embarcação estaria a cerca de 310 milhas náuticas (574 km) a Oeste de Peniche quando comunicou pela última vez.

Os Centros de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa e de Ponta Delgada "em articulação, tentaram estabelecer contacto telefónico, contacto via rádio e através de outros navios na área com a embarcação, mas sem sucesso até ao momento", acrescenta o comunicado da Marinha.

* com Augusto Correia