Saúde

Número de casos de sarampo subiu para 66

Número de casos de sarampo subiu para 66

Foram diagnosticados mais quatro casos de sarampo, elevando para 66 o número de doentes infetados pelo atual surto, segundo a Direção-Geral da Saúde.

Até às 19 horas de quarta-feira, havia 66 casos confirmados de sarampo e 94 casos suspeitos que laboratorialmente não se confirmaram, informou a Direção-Geral da Saúde (DGS) esta quinta-feira em comunicado.

Dos 66 doentes infetados, 11 já foram considerados curados e há dois doentes internados, com "situação clínica estável".

Há 37 casos suspeitos que aguardam confirmação laboratorial (no último balanço eram 26 casos).

Este surto teve início no Hospital de Santo António, no Porto. Todos os casos confirmados são da região do Porto, à exceção de uma mulher, de Pombal (Leiria), que esteve em contacto com um homem francês "que se pensa ser um dos casos iniciais, que adquiriu a infeção fora de Portugal".

No ano passado, Portugal teve dois surtos simultâneos de sarampo (num total de 29 casos), que chegaram a provocar a morte de uma jovem de 17 anos.

A Direção-Geral da Saúde aconselha ainda a "quem esteve em contacto com um caso suspeito de sarampo e tem dúvidas" que ligue para a Linha Saúde 24 (número 808 24 24 24). Os sintomas sugestivos de sarampo são febre, erupção cutânea, conjuntivite, congestão nasal e tosse.