Covid-19

Já foram vacinados 25 mil professores e auxiliares

Já foram vacinados 25 mil professores e auxiliares

Até cerca das 11.30 horas, já tinham sido vacinados 25 mil professores, auxiliares e trabalhadores das respostas sociais, segundo o ministro da Educação.

Tiago Brandão Rodrigues, que este sábado de manhã visitou um centro de vacinação na Amadora, distrito de Lisboa, disse aos jornalistas que o processo de vacinação em massa em curso durante este fim de semana prevê a vacinação de 170 mil pessoas, que deram resposta positiva à convocação para receberem a primeira dose da vacina contra a covid-19.

"Até agora, 25 mil pessoas foram vacinadas" em "perto de 300 postos" de vacinação instalados de norte a sul do país, declarou o ministro da Educação, cerca das 11.30 horas.

"É um dia importante para os professores, para os auxiliares e para os trabalhadores das respostas sociais e um dia importante para o país por podermos dar esta resposta à pandemia", considerou. "E um dia importante para aumentar a proteção nas escolas", acrescentou.

Questionado sobre as cerca de cinco mil pessoas que recusaram receber a vacina neste processo, Tiago Brandão Rodrigues frisou que a vacinação é "um dever cívico" e um gesto "altruísta": "É um comportamento altruísta, para nos protegermos a nós e aos que trabalham connosco".

A ministra do Trabalho e da Solidariedade Social, Ana Mendes Godinho, acompanhou esta visita e indicou que 60 mil trabalhadores das respostas sociais estão abrangidos nesta fase de vacinação.

"Nós temos neste momento o número mais baixo que tivemos este ano em termos de surtos de lares. Tivemos a primeira semana sem óbitos relacionados com covid nos lares, fruto também deste trabalho de todos", sublinhou.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG