DGS

Lisboa tem 153 casos de covid-19 por 100 mil habitantes

Lisboa tem 153 casos de covid-19 por 100 mil habitantes

O concelho de Lisboa subiu a taxa de incidência para 153 casos de covid-19 em 14 dias. Arganil, Golegã, Odemira, Vila do Bispo são os municípios do continente com mais de 240 casos.

Numa semana, o concelho de Lisboa subiu a taxa de incidência de 118 para 153 novos casos de covid-19. Os dados desta sexta-feira da Direção-Geral da Saúde (DGS) foram apurados entre 13 e 26 de maio. Recorde-se que a capital entrou para o grupo dos municípios em situação de alerta.

PUB

Ou seja, a manterem-se os critérios e se os números não descerem, o concelho deixa de avançar ou até pode ter de recuar nas medidas de desconfinamento. Entretanto foram anunciadas, no início desta semana, medidas de reforço da testagem para ajudar a controlar a infeção.

No continente há quatro concelhos acima do patamar dos 240 casos por 100 mil habitantes: Arganil (272), Golegã (262) Odemira (364) e Vila do Bispo (272). Tal como anunciado esta quinta-feira, pela ministra do Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, Arganil e Golegã vão ter de recuar no desconfinamento, Odemira fica no mesmo patamar e Vila do Bispo entrou em situação de alerta.

Outro dos concelhos que não avançam no desconfinamento é Montalegre, que tem 222 casos a 14 dias.

Nas regiões autónomas, mais concretamente nos Açores, há outros três municípios que ultrapassam os 240 casos: Nordeste (329), Ribeira Grande (619) e Vila Franca do Campo (326).

Entre os 120 e os 239 casos encontram-se sete concelhos, contando com Lisboa e Montalegre. A estes juntam-se, no continente, Chamusca (163), Salvaterra de Magos (131), Tavira (139), Vale de Cambra (141) e Vila Nova de Paiva (171). Estes cinco também em situação de alerta.

Na Região Autónoma da Madeira há quatro concelhos neste patamar: Funchal (162) Ponta do Sol (151), Ribeira Brava (201), Santana (149).

No total há 18 concelhos acima dos 120 casos por 100 mil habitantes, a linha vermelha definida pelo Governo para avançar ou recuar no desconfinamento. Na semana passada eram 41.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG