Exclusivo

Mais de 8500 jovens sem acesso a apoio à renda no ano passado

Mais de 8500 jovens sem acesso a apoio à renda no ano passado

A subvenção média dos três períodos de candidatura em 2021 chegou aos 185 euros. O Estado gastou 23 milhões de euros com o Porta 65.

Milhares de pessoas continuam a ficar todos os anos de fora do Porta 65, o apoio financeiro concedido pelo Estado a jovens para arrendamento de casa. No ano passado, 8599 não tiveram direito. Foram apoiadas 11 052 pessoas em 2021, num total de 19 651 candidaturas recebidas, de acordo com dados do Ministério das Infraestruturas e da Habitação (MIH). Ao JN, a tutela diz ter gastado 23 milhões com o Porta 65, o que equivale a uma subvenção média de 185 euros mensais, que engloba os três períodos de candidatura.

Nos últimos seis anos, o número de aprovações tem aumentado consecutivamente, mas houve uma ligeira diferença em 2021. A título de exemplo, 9810 pessoas foram aceites e tiveram o apoio à renda em 2019. Em 2020, primeiro ano da pandemia, 11 094 receberam uma subvenção. No ano passado, o valor baixou ligeiramente: 11 052, ou seja, menos 42 pessoas do que no ano anterior.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG