O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Ministério Público processa pais que proibiram filhos de assistir a Cidadania

Ministério Público processa pais que proibiram filhos de assistir a Cidadania

Comissão de Proteção de Crianças e Jovens solicitou apoio na resolução de caso que se prolonga há dois anos.

O Ministério Público (MP) de Famalicão instaurou um processo contra os pais dos dois alunos impedidos de frequentar as aulas de Cidadania e Desenvolvimento. As técnicas da Segurança Social estão a avaliar "a situação do agregado familiar" dos menores. Os pais já foram ouvidos pelo MP e pela Segurança Social.

A decisão foi tomada depois da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) ter solicitado apoio na resolução de um caso que se prolonga há dois anos. Por decisão dos pais, que evocam "motivos de consciência", os irmãos Tiago e Rafael Mesquita Guimarães não frequentam a disciplina obrigatória de Cidadania e Desenvolvimento.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG