Exclusivo

Pedidos de apoio psicológico ao INEM sobem 24%

Pedidos de apoio psicológico ao INEM sobem 24%

INEM regista aumento de ocorrências nos primeiros sete meses de 2021, com a saúde mental a crescer nas chamadas. Faixas etárias cada vez mais novas manifestam dificuldade em gerir emoções e controlar agressividade durante a pandemia.

O alerta foi dado há vários meses por médicos e especialistas. Os pedidos de ajuda psicológica e psiquiátrica iriam aumentar com a evolução da pandemia da covid-19, como o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) tem vindo a comprovar no terreno: entre janeiro e julho de 2021, houve uma variação positiva de 24% nas ocorrências realizadas ao Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC).

Foi ainda contabilizado um aumento de 7,2% nos problemas psiquiátricos e suicídios. E há uma faixa etária que se deve atentar: crianças e adolescentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG