Premium

Portugueses gastam mil milhões em casinos virtuais em três meses

Portugueses gastam mil milhões em casinos virtuais em três meses

Entre janeiro e março, os portugueses apostaram cerca de mil milhões de euros em casinos virtuais legalizados. O número é o maior de sempre registado pelo Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos (SRIJ) e representa um crescimento de 58% face ao mesmo trimestre do ano passado.

Ao todo, os portugueses apostaram 961 milhões de euros em jogos de fortuna ou azar virtuais, mais 352 milhões do que nos primeiros três meses de 2019. Impulsionada pelos casinos virtuais, a receita das casas de apostas legalizadas cresceu 47% (passou de 47 milhões para 70 milhões) e, com isso, o Estado também arrecadou mais com o imposto especial de jogo online: passou de 15 milhões para 21 milhões.

O aumento do volume de apostas registadas em casinos virtuais é, em parte, justificado com o facto de serem agora 12 as entidades exploradoras de jogos de fortuna ou azar online, mais três que no trimestre homólogo. O confinamento também pode ter contribuído, mas não tanto, até porque dos 91 dias analisados, apenas 15 foram em estado de emergência.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG