O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Reitor abre inquérito a docente de Aveiro por "posts" discriminatórios

Reitor abre inquérito a docente de Aveiro por "posts" discriminatórios

Em causa comentários depreciativos no Facebook contra africanos, a orientação sexual e a covid-19.

O reitor da Universidade de Aveiro revelou, na segunda-feira ao JN, ter ordenado a abertura de um processo de inquérito a um professor do Departamento de Física da instituição, pela publicação, nas redes sociais, de mensagens de teor "discriminatório", com a qual a instituição "não pactua".

Paulo Jorge Ferreira respondia a propósito de uma denúncia da organização Quarentena Académica de que o docente Paulo Lopes "assume um discurso de ódio contra vários sectores mais fragilizados da nossa sociedade nas suas redes sociais" e "ainda posições negacionistas sobre a pandemia de covid-19".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG