Balanço

Dia sem mortes por covid-19 em Portugal

Dia sem mortes por covid-19 em Portugal

Num dia em que não se reportam mortes por covid-19 em Portugal, há o registo de mais 196 infetados. O Rt subiu ligeiramente e a incidência a 14 dias diminuiu.

Ninguém morreu por covid-19 face ao balanço anterior. Domingo foi assim o segundo dia desde 16 de março de 2020 (o primeiro dia da pandemia a contabilizar um óbito) em que não foram registadas mortes: o mesmo só tinha acontecido a 2 de agosto.

Os números revelam-se animadores também no que diz respeito à pressão hospitalar. Embora o número global de internados tenha aumentado - há mais 17 doentes (365 no total) - o número de camas ocupadas em unidades de cuidados intensivos baixou para 91 (-7).

Menos casos do que há uma semana

Hoje a baixar também está o número de infetados: foram detetados, até à meia-noite, mais 196 contágios, o que eleva para 834 638 o número total de casos confirmados desde março de 2020. O balanço reflete uma diminuição face a domingo, quando houve 478 novos contágios, embora seja comum o registo de infetados diminuir às segundas-feiras como resultado do encerramento de laboratórios e consequente redução do número de testes de diagnóstico aos fins de semana. Ainda assim, comparando com a segunda-feira passada, dia em que houve 220 contágios, também houve uma redução de casos.

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde desta segunda-feira aponta para mais 326 recuperados, reduzindo o número de casos ativos para 24 662 (-130).

PUB

A região Norte continua a ser a que soma mais novos casos de infeção (84), seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo, com 40 novos contágios. Coimbra contabiliza mais 10, o Alentejo mais 4, o Algarve mais 15. Açores e Madeira somam 24 e 19 infetados, respetivamente.

Na matriz de risco que permite controlar a velocidade do desconfinamento, e que foi hoje atualizada, o valor do R(t) - o número médio de casos secundários que resultam de um primeiro - subiu de 0,98 para 0,99, a nível nacional (no território continental, o valor já é de 1).

Quanto à taxa de incidência da doença nos últimos 14 dias, o valor geral baixou de 72,1 casos de infeção por 100 mil habitantes (na sexta-feira) para 70,4 casos. Tendo em conta só a análise de Portugal continental, o número fica nos 67,3.

António Costa avisou que as medidas da reabertura seriam revistas sempre que Portugal ultrapassasse os 120 novos casos por dia por 100 mil habitantes a 14 dias ou sempre que o Rt ultrapasse o 1.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG