Covid-19

Vacinas da Pfizer cedidas por outros países poderão chegar em breve a Portugal

Vacinas da Pfizer cedidas por outros países poderão chegar em breve a Portugal

A ministra da Saúde disse, esta quarta-feira, que o Governo está "preparado" para vacinar menores de 18 anos no final de agosto. Sobre os constrangimentos na vacinação dos mais jovens, Marta Temido disse que poderá ser antecipada a chegada de vacinas da Pfizer, para colmatar este problema.

"Estamos preparados para vacinar os meninos dos 12 aos 18 anos, caso a comissão técnica e a DGS assim o concluam", referiu a governante, em declarações aos jornalistas. No entanto, sublinhou a ministra, "será preciso mais algum tempo para tomar essa decisão", apontando que o processo deverá começar no final de agosto.

Marta Temido falava no final de uma cerimónia de assinatura de um protocolo com o setor social no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), no Palácio Marquês do Alegrete, em Lisboa, sessão que foi presidida pelo primeiro-ministro, António Costa.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) pediu duas semanas para estudar os pareceres da Comissão Técnica de Vacinação contra a covid-19 em jovens e os calendários de vacinação para definir uma posição. "Aquilo que a DGS nos transmitiu ser o entendimento da Comissão Técnica de Vacinação é que será desejável dispor de mais algum tempo e referiram-nos um prazo de duas semanas para perceber mais em detalhe quais são os calendários", afirmou.

Segundo a governante, os pareceres preliminares desta comissão apontam para "uma priorização do grupo etário dos 18 aos 16 anos" e "uma priorização de vacinação de crianças com comorbilidades na faixa" abaixo, entre os 15 e os 12 anos, além do já referido "pedido de mais tempo" para recolha e análise de informação. "Caso a indicação técnica seja de que é para vacinar os meninos dos 12 aos 18 anos, é para vacinar. Se a indicação técnica for noutro sentido, naturalmente que acomodaremos as nossas necessidades", observou.

"Estamos preparados para começar a vacinar abaixo dos 18 anos na última semana de agosto. A nossa campanha de vacinação está desenhada para isso, aguardamos ainda as indicações técnicas", continuou.

PUB

Temido disse ainda que foram vacinadas, em média, mais de 120 mil pessoas por dia nas últimas duas semanas, o que "permitiu atingir uma parte significativa da população". A ministra explicou que se espera atingir uma nova marca na vacinação em Portugal na primeira ou segunda semana de agosto.

Sobre os constrangimentos no agendamento da vacinação dos mais jovens, a governante disse que esta dificuldade "é só de alguns dias" e "vai ser ultrapassada em breve".

Temido afirmou ainda que está em cima da mesa a possibilidade de chegarem mais doses antecipadas de entrega da Pfizer nos próximos dias por via de cedência de outros países, que estão com campanhas de vacinação noutras fases.

"Nos próximos dias, temos a possibilidade de possuir mais doses de vacinas de entrega antecipada da Pfizer, através de cedências de outros países que se encontram com as respetivas campanhas de vacinação em outras fases", adiantou a ministra, não especificando, contudo, essa quantidade de vacinas de entrega antecipada.

O Governo está empenhado no processo de compras conjuntas para agilizar entrega de mais vacinas contra a covid-19, assegurou a ministra. "Não há qualquer contratempo no plano de vacinação", rematou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG