Opinião

Acordos e leis polidas

Acordos e leis polidas

1. O assunto é sério. Está em causa a saída do Reino Unido da União Europeia. Há um acordo em cima da mesa, mas não há votos que cheguem para o aprovar. A maioria dos deputados não quer esse acordo, mas uma outra maioria (em grande parte coincidente com a primeira) também não aceita sair sem acordo. No fundo, os políticos estão de acordo que não querem o acordo, estão também de acordo sobre quererem um outro acordo, mas já não estão de acordo sobre o acordo que querem. Pode não parecer, por isso vale a pena repetir: o assunto é sério. Ou seja, nada que impeça uma boa piada. Humor negro, com uma certa dose de excesso. Humor britânico. Como o de Steve Double, que defende o Brexit. Disse o deputado conservador, sobre o acordo, dentro das solenes paredes de Westminster: "Este acordo é uma bosta, que foi entretanto lavada e polida, e portanto é agora uma bosta polida. Mas pode ser a melhor bosta que temos".

2. Os políticos portugueses têm tendência a exagerar na promoção dos seus feitos. É um facto. O cerimonial do corta-fitas é uma tradição política que transitou sem interrupções da ditadura para a democracia. Também velho é o hábito de gastar dinheiro público, já não com a obra, mas com o anúncio da intenção de fazer a obra, com o concurso da obra, com a primeira pedra da obra, com o início da segunda fase da obra e, claro está, com a inauguração da obra. É assim e é irritante (sobretudo para quem não for convidado para provar os croquetes e o vinho branco fresco na tenda). Todos de acordo. Mas o que já não se compreende é o que é que a inauguração da estrada, do bairro ou da escola pelo presidente da Câmara tem a ver com a campanha para escolher os políticos que vamos enviar para o exílio dourado de Bruxelas e Estrasburgo, nas próximas eleições europeias. Não será melhor levar a lei para fora da Comissão Nacional de Eleições e dar-lhe um jeito? Pelo menos para que deixe de misturar alhos com bugalhos. Não deixaria de ser uma lei, mas ficaria mais polida.

* CHEFE DE REDAÇÃO