O Jogo ao Vivo

Bancada JN

Porto, terra de árbitros

Porto, terra de árbitros

Há dias em que somos surpreendidos com convites antes impensáveis, como este, do JN! O que seria natural, para quem, como eu, nasceu no Porto e se habituou a ler o JN não fosse ser do Benfica, desde que nasceu!

E quem é do Benfica não pode ser conivente com tanta coisa que se passou e passa no futebol português! Ainda assim, da surpresa ao orgulho pelo convite, com a promessa de ser igual a mim mesmo. Combatendo pelo que acredito!!! Muito obrigado.

E para que não me digam que perco tempo com coisas menores, vem-me à ideia - reforçada pelas últimas nomeações de árbitros - que há quem julgue que o Porto tem uma queda especial para ter árbitros bons! Tal como há quem ache que, só pelo facto de ser português, um treinador será sempre muito bom, com consequências a nível de resultados (cada vez mais erradamente), também o Conselho de Arbitragem acha que o facto de ser do Porto fará de um árbitro um árbitro muito bom! Nada mais errado!

E como com a diminuição da competitividade do futebol português todos vão arranjar desculpas com os árbitros, isso aconselharia a uma maior exigência com essas escolhas! Chega de erros de base assentes em princípios errados! Porque o Porto só poderá ter os melhores árbitros de Portugal - os que merecem ser nomeados para todos os jogos - numa perspetiva... azul e branca! Mas o melhor é ficar por aqui que a coluna tem de durar muito tempo!!!

Bom ano!!!

Em cima

Seferovic está de volta aos golos! E o Benfica bem precisa dele, atendendo aos jogos que aí vêm. Antes era Vinícius, agora é o suíço que brilha em poucos minutos em campo! "Sorte" de quem põe os adversários preocupados com quem joga de início!

Em baixo

A morte de Paulo Gonçalves no Dakar. Todos ouvimos contar sobre isso, em cada ano que passa. Até percebermos que, de mera estatística, a morte, também no Desporto, nos pode surpreender a cada curva da estrada, a cada reta do deserto!

*Advogado