Bancada JN

Hoje só escrevo sobre bola!

Hoje só escrevo sobre bola!

Durante algum tempo, desaparecem de Portugal os três efes: Fátima, futebol e fado! O mais grave, o futebol! As mulheres têm finalmente os maridos vinte e quatro horas em casa, mas, sem futebol, eles não vão ficar a bater bem da bola!

Esta noite sonhei que tinha telefonado ao Frederico:

- Olá, como estás? Tudo bem contigo?

- Mais ou menos, como podes calcular. Nem queiras saber como vim encontrar o nosso clube!

- Imagino. Diz-me lá, como é que foi aquela história dos 10 milhões pelo Rúben Amorim? Disseste numa entrevista que o dinheiro não prejudicava o Sporting? Que do Sporting não saía nada. Então como é que vais pagar 10 milhões?

- O Sporting não vai pagar nada. Pagaram pelo Sporting!

- Quem é que pagou?

- Não te posso dizer. O dinheiro veio do Norte. Veio de uma zona entre Aveiro e Braga. Não posso acrescentar mais nada. E eu, que me queria ver livre do Silas, aproveitei. Fiquei com um grande treinador, de borla.

- Então, quer dizer, isto foi tudo para obrigar o LFV a ficar com o Lage?

(Desligou-me o telefone)

Acordei a suar! Que sonho mais idiota!

Li, algures, que o presidente do Sporting ia pedir um adiantamento de duzentos e tal milhões à Nos sobre as transmissões dos jogos até 2029! (Estou a citar de memória). Este também já não anda a bater bem da bola!

Aliás, com esta histeria causada pelo vírus, corre-se o perigo do país inteiro não ficar a bater bem da bola! Desde a frase do cantor Nel Monteiro ("Sempre fui fã do Salazar. Foi um grande governante!"), até aos artigos e discursos do André Ventura, que parecem cópias das oratórias de Goebbels e Speer, do III Reich, o país corre o perigo de ver muitos dos seus cidadãos recorrerem à psiquiatria, e ficarem internados! A bater mal da bola!

Em cima

Aos médicos, enfermeiros e todos os técnicos de saúde, muito obrigado.

Em baixo

Tudo. Ou quase tudo!

Actor e adepto do Sporting

o autor escreve segundo a antiga ortografia

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG