O Jogo ao Vivo

Reações

"A tua dor é a nossa dor": Mundo do futebol unido no apoio a Ronaldo e Georgina

"A tua dor é a nossa dor": Mundo do futebol unido no apoio a Ronaldo e Georgina

O casal estava à espera de gémeos, mas um dos bebés faleceu durante o parto, anunciou o astro do futebol no Instagram. Família, clubes, companheiros de equipa e atletas de outros desportos uniram-se no apoio ao português.

As reações à morte do filho de Cristiano Ronaldo multiplicaram-se nas redes sociais numa onda de solidariedade além do mundo do futebol. A irmã do jogador, Katia Aveiro, assim como a sua mãe, lamentaram a morte através das suas redes sociais.

"Amo vocês e meu coração está todo aí desse lado... Que Deus cuide de tudo e que fortaleça cada vez mais o caminho de vocês...", escreveu Katia Aveiro no Instagram.

PUB

Alguns colegas de equipa e antigos parceiros de relvado como Alex Telles, Diogo Dalot, David de Gea, James Rodriguez, Edinho e Alvaro Morata manifestaram o seu apoio diretamente no comunicado que Ronaldo publicou no Instagram. A maior parte dos jogadores deixou um emoji de um coração nos comentários num sinal de apoio ao jogador.

A onda de solidariedade estendeu-se para lá das quatro linhas do futebol: Piers Morgan, jornalista britânico, Usain Bolt, campeão olímpico, Yohan Blake, velocista olímpico, e outras personalidades, também deixaram o seu apoio ao craque português.

O Sporting Clube de Portugal, clube que catapultou Ronaldo para os palcos ingleses, e o Manchester United, onde o jogador ganhou a sua primeira bola de ouro, também apoiaram o jogador através da rede social Twitter.

"A tua dor é a nossa dor", escreveu o clube inglês, numa mensagem de "amor e força" neste tempo difícil. O Sporting deseja muita força, "a família Sportinguista está convosco", lê-se na publicação.

A gravidez era conhecida desde outubro e Ronaldo esperava o quinto e sexto filhos. O anúncio do falecimento foi feito pelo próprio atleta, no Instagram, esta segunda-feira.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG