Televisão

Bruno de Carvalho no Big Brother Famosos: "Não queria o Pinto da Costa na casa, somos amigos"

Bruno de Carvalho no Big Brother Famosos: "Não queria o Pinto da Costa na casa, somos amigos"

As especulações dos últimos meses confirmaram-se esta noite: Bruno de Carvalho entrou na "casa mais vigiada do país" e vai participar no "Big Brother Famosos". E falou de Pinto da Costa, Frederico Varandas e Jorge Jesus.

É o cabeça de cartaz da mais recente edição do "Big Brother Famosos", que a TVI começou a transmitir na noite deste domingo: polémico, desafiador, Bruno de Carvalho entra na "casa mais vigiada do país" depois de ter dado que falar no Sporting onde, recorde-se, foi destituído de presidente pelos sócios numa Assembleia Geral extraordinária que se realizou em junho de 2018 depois da invasão à Academia, a 15 de maio desse ano.

PUB

Em maio de 2020 Bruno de Carvalho acabou por ser absolvido de todos os crimes que lhe eram imputados no processo do ataque à Academia de Alcochete. Seguiu-se uma carreira improvável como DJ em diversos eventos pelo país... até à chegada do "Big Brother".

Há uma semana o antigo presidente do Sporting anunciou que estava em isolamento até ao início do novo ano. "Passei esta noite com náuseas, vómitos e dores. O médico prescreveu um período de descanso e tratamento", começou por referir numa das últimas aparições nas redes sociais. "Estarei em isolamento nos próximos dias e este só acabará na primeira semana de 2022", acrescentou Bruno de Carvalho que, assim, teve de cancelar as várias atuações como DJ que estavam marcadas.

Esta noite, foi o primeiro concorrente a ser apresentado por Cristina Ferreira. "Faço exercício do sofá para a cozinha e da cozinha para a cama. Os meus pais são tudo para mim e quero poder cada vez mais orgulhá-los", começou por dizer em direto. "Quero lutar contra a calúnia e difamação. Os meus segredos as pessoas estão a descobrir aos poucos".

De seguida, um regresso ao futebol. "Não queria em casa Pinto da Costa, damo-nos bem e somos amigos! Os outros dois (Varandas e Jorge Jesus) adorava tê-los dentro da casa." "Não me passava pela cabeça entrar. É engraçado perceber que vamos deixando marcas nas pessoas e isto é bom. Se isto é descer baixo? Tentem mandar mais postais", concluiu Bruno de Carvalho. "O Chão é verde, não é mau", brincou o ex-dirigente à entrada da casa.

Veja mais na n-tv

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG