O Jogo ao Vivo

Famosos

Casillas está "cansado" de notícias falsas sobre a sua vida e avança para os tribunais

Casillas está "cansado" de notícias falsas sobre a sua vida e avança para os tribunais

Em comunicado, ex-guarda-redes do F. C. Porto lamenta o assédio mediático após a separação de Sara Carbonero, reafirmando que foi amigável, negando ainda que tenha tido uma recaída em relação ao enfarte sofrido há dois anos. Iker Casillas adianta que deu ordem aos seus advogados para processarem os que difundirem "informações totalmente falsas".

Foi com a intenção de esclarecer "alguns aspetos relacionados" com a sua vida pessoal e a sua família, após ver várias notícias que lhe apontavam traições e até um novo susto de saúde que, esta sexta-feira, Iker Casillas emitiu um comunicado, com um aviso sério a quem dele falar sem provas.

​​O ex-guarda-redes espanhol do F. C. Porto começar por lamentar "o assédio mediático" sobre ele e a família, depois de anunciado o fim do casamento com Sara Carbonero, reconhecendo que lhes está "a gerar um dano irreparável": "Gostava de sublinhar que a nossa superação foi amigável e no comunicado que eu e a minha mulher emitimos pedimos respeito por ela, pelos meus filhos e por mim. Lamentavelmente não está a acontecer, refletindo-se num assédio constante".

Casillas está "cansado de ver diferentes pessoas que inventam histórias" sobre ele, por isso decidiu que os seus "advogados iniciem as respetivas diligências dirigidas a quem difunde informações totalmente falsas e que deverão provar nos tribunais".

Esclarece ainda que "várias revistas difundiram notícias" sobre o seu estado de saúde, "dando a entender que tinha sofrido uma recaída sobre a enfermidade" que superou, ou seja, o enfarte do miocárdio, "quando se tratou de uma simples ataque alérgico".

O agora diretor do Real Madrid termina reafirmando que todas as informações falsas que o visam "terão que ser demonstradas nos próximos meses nos correspondentes tribunais de justiça". "Para finalizar, peço respeito a este setor no qual nunca participei nem pessoalmente, nem profissionalmente".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG