Pessoas

Maradona faz as pazes com a filha e aceita ir ao seu casamento com uma condição

Maradona faz as pazes com a filha e aceita ir ao seu casamento com uma condição

Maradona reconciliou-se com a filha mais velha e aceitou ir ao seu casamento. Dalma não queria a madrasta na cerimónia e o ex-jogador só aceitou estar presente se a mãe da filha também não levasse o novo namorado.

Depois de várias zangas e reconciliações, Diego e Dalma Maradona parecem ter feito as pazes e chegado a um acordo. A filha do ex-jogador vai casar-se em abril e faz questão que o pai a leve ao altar. O problema é que não suporta a atual companheira do pai, a jovem Rocío Oliva, e não a quer no matrimónio. Maradona disse que não iria estar presente mas voltou atrás com a decisão.

Se a sua companheira não pode estar presente, então o namorado da sua ex-mulher e mãe das duas filhas também não. Uma condição que Dalma terá aceitado. Durante uma visita recente ao Dubai, onde o pai treina um clube local, pai e filha chegaram a acordo e Diego Maradona não só vai levar a filha ao altar, como ainda será seu padrinho, escreve o jornal espanhol "ABC".

O astro argentino foi casado durante vários anos com Cláudia Villafañe, de quem se divorciou de forma litigiosa. As duas filhas do casal, Dalma e Gianinna, ficaram do lado da mãe e não aceitam o novo relacionamento do pai.

Fora da lista de convidados ficaram os três meios irmãos da noiva: Diego Júnior, de 31 anos, fruto de um caso extra-conjugal quando Maradona jogava em Itália; Jana, de um outro relacionamento fora do casamento na década de 1990; e Dieguito Fernando, de cinco anos, que nasceu de uma relação mais recente.

De recordar que este será o segundo casamento de Dalma Maradona, que durante quatro anos foi casada com o futebolista argentino Sergio Agüero, de quem tem um filho, Bejamin, de nove anos.

ver mais vídeos