Televisão

José Mata a caminho de série na RTP

José Mata a caminho de série na RTP

José Mata sonha com carreira internacional no cinema. Ator e modelo, chegou a querer seguir Direito ou Jornalismo.

Diariamente, vemos José Mata no papel de Duarte numa novela, mas as gravações já terminaram e seguem-se agora novos desafios. Entre eles consta "uma série para a RTP", revela. "Não posso falar muito sobre isso, mas é um projeto muito giro. Já estamos em ensaios e começaremos a gravar em janeiro. É um papel que não tem nada a ver com o Duarte Blanco", antecipa ao JN, entusiasmado com o arranque do ano.

"Morangos" foi o início

Sem contrato de exclusividade com alguma estação de televisão, o ator de 33 anos tem margem "para fazer outras coisas, o que é bom", considera. E não fecha a porta a convites que julgue serem interessantes e constituírem uma mais-valia profissional.

"Morangos com açúcar", na TVI, foi o projeto que despertou Mata para a representação. Corria o ano de 2004 e aconteceu "de forma muito engraçada", recorda. "Fui acompanhar uma amiga a um casting e, na altura, convenceram-me a fazê-lo também. Embora renitente, fiz. E acabei por ser escolhido para o anúncio desse casting. Foi assim que tudo começou."

Entrou na L'Agence, onde continua, e seguiram-se workshops e outros trabalhos. Hoje é um dos atores com maior destaque na ficção nacional. De resto, em 2016, ganhou o Globo de Ouro para Melhor Ator de Cinema, com o filme "Amor Impossível", de António-Pedro Vasconcelos. Antes da representação, quis ser advogado e jornalista e chegou a fazer "um semestre de Comunicação Social na Universidade Católica". "Sempre gostei de letras e de línguas. A minha avó é francesa e sempre tive muito cuidado. O jornalismo sempre me interessou, mas acabei por desistir quando fiz a minha primeira novela da noite ("Deixa-me amar") na TVI. Percebi que não valia a pena andar a inventar e fui para o Conservatório onde me licenciei em Teatro. Dei um salto qualitativo muito grande", lembra, notando que começou por ser uma vontade da mãe "ter uma licenciatura".

A pouco menos de um dois meses de fazer 34 anos [a 25 de fevereiro], José Mata diz-se realizado, mas não acomodado. "Sou ambicioso, devemos querer sempre mais. Mas sinto-me feliz com as minhas escolhas e percurso como ator", confessa. Mata assume a vontade de "fazer mais cinema e de trabalhar lá fora". "Já participei numa série francesa, mas gostava de fazer algo maior."

Ator e Isabela Valadeiro "muito apaixonados"

José Mata namora, há quase um ano, com a também atriz Isabela Valadeiro. A relação é discreta, mas já não é um assunto tabu. "Preservamos a nossa privacidade e há coisas que não vamos comentar ou falar, mas não temos problemas em dizer que estamos bem e muito apaixonados", confidencia. O artista tem vontade de ser pai, mas assegura que "não é para já". "Os tempos são outros e temos mais a noção de responsabilidade, até por exemplos próximos", justifica. "Não é algo que esteja nos meus planos para breve, mas um dia vou ser pai. Não sei se irei casar, mas sei que tenho vontade de constituir família e ter filhos. Mas mais para a frente."

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG