Óbito

Morreu Ricardo Camacho, fundador dos Sétima Legião

Morreu Ricardo Camacho, fundador dos Sétima Legião

Morreu Ricardo Camacho, teclista e membro fundador dos Sétima Legião.

Nascido na Madeira em 1954, Ricardo Camacho vivia na Bélgica, onde fazia trabalho de investigação no Rega Institute for Medical Research, em Leuven.

Especialista em virologia clínica, Ricardo Camacho era para muitos o teclista da Sétima Legião, grupo formado na década de 1980 e da qual fez parte praticamente desde o início.

Rodrigo Leão, também membro dos Sétima Legião, confirmou ao "Público" que Ricardo Camacho, 64 anos, sofria de cancro no pulmão e estava internado na Bélgica.

A banda Sétima Legião (1982-2000) é responsável por sucessos da música portuguesa como "Sete Mares" e "Por quem não esqueci".

Da banda também fizeram parte Pedro Oliveira (voz e guitarra), Nuno Cruz (bateria, percussão), Gabriel Gomes (acordeão), Paulo Marinho (gaita de foles, flautas), Paulo Abelho (percussão, samplers) e Francisco Ribeiro de Menezes (letras, coros).

Em 2012, assinalaram os 30 anos de existência do grupo com uma série de concertos. Há um ano, já Ricardo Camacho estava doente, voltaram a reunir-se num concerto no Liceu Passos Manuel, em Lisboa, "para matar saudades", recordou Rodrigo Leão.

Na investigação médica, Ricardo Camacho foi diretor do Laboratório de Virologia do Hospital Egas Moniz e fez investigação no Centro de Malária e outras Doenças Tropicais.

Foi consultor da Comissão Nacional de Luta contra a SIDA, tendo participado ainda em vários estudos internacionais sobre esta doença, na qual se especializou.

Foi ainda professor na Escola Superior de Ciências da Saúde e na Faculdade de Ciências Médicas, ambas em Lisboa, e na Universidade Católica no Porto.

ver mais vídeos