Futebol

Bernardo Silva e o Barcelona: "Quando a época acabar logo veremos"

Bernardo Silva e o Barcelona: "Quando a época acabar logo veremos"

O internacional português Bernardo Silva esquivou-se a abordar os rumores sobre o interesse do Barcelona em o contratar ao Manchester City, escudando-se no facto de estar em representação da seleção nacional.

"Infelizmente, não vou poder responder, porque estou ao serviço da Seleção e super focado no jogo que falta. Quando a época acabar logo veremos o que acontece", disse o jogador do Manchester City quando questionado sobre se o Barcelona o seduz.

Sem avançar nada sobre o futuro, o avançado falou sobre a partida com a República Checa e as duas assistência para os golos com que Portugal bateu o adversário. "Joguei sete anos com ele [João cancelo] na formação do Benfica, agora no City e já há algum tempo, na seleção. Portanto, é um jogador que conheço bem e tanto hoje [quinta-feira] como no último jogo funcionou bem. Estamos muito felizes com a vitória", realçou.

E prosseguiu com a análise ao jogo: "Estou feliz com a exibição, com a vitória e com a nossa classificação, porque estamos em primeiro no grupo e isso é importante. Posição no meio? É uma posição que conheço muito bem, onde jogo mais frequentemente, onde fiz toda a formação e onde cresci. Mas sempre disse que estou disposto e disponível a jogar onde o treinador ache que é melhor para a equipa. Mas é uma posição de que gosto muito e onde me sinto muito bem".

Bernardo Silva salienta a qualidade na seleção. "É um grupo com muito talento, que está cheio de jovens. Cada vez têm chegado mais e até já me sinto um bocadinho velho e só tenho 27 anos, o que demonstra o quão jovem é esta seleção. As coisas têm corrido bem. O play-off de qualificação para o Mundial correu bem, estes jogos para a Liga das Nações têm sido bons e vamos continuar neste caminho", frisou.

O jogador reconheceu ainda ter sentido algum cansaço. "Quase todos [saíram cansados], porque foi uma época longa e chegar ao fim e ter estes quatro jogos é duro. Mas só falta um jogo, vamos dar o melhor para conseguir os três pontos e tentar acabar estes quatros jogos numa posição muito forte para acabar o grupo em primeiro", finalizou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG