Jogos Olímpicos

"Tenho de me focar na minha saúde mental". Simone Biles explica abandono de hoje

"Tenho de me focar na minha saúde mental". Simone Biles explica abandono de hoje

Simone Biles explicou que decidiu abandonar a final de equipas de ginástica artística, esta terça-feira, por questões de saúde mental.

"A seguir à minha exibição, simplesmente não queria continuar. Tenho de me focar na minha saúde mental, é o mais importante no desporto atualmente", disse, citada pela BBC, depois de ter decidido não continuar a disputar a final de equipas, que a Rússia acabou por vencer.

Pouco depois do abandono, que surpreendeu o Mundo, um comunicado oficial da equipa referia que se tratou de um "problema médico", sem o especificar.

A ginasta detalhou-o mais tarde. Biles considera que os atletas devem proteger a mente e o corpo e não simplesmente fazer o que toda a gente espera deles. "Não confio tanto em mim como dantes, talvez esteja a ficar mais velha. Há alguns dias em que toda a gente te envia mensagens e tu sentes o peso do mundo", disse, acrescentando que, quando entra em competição, "sou só eu e a minha cabeça a lidarmos com demónios .

"Não queria ir para competição e fazer algo estúpido e magoar-me. Eu sinto que o facto de haver muitos atletas a falar sobre saúde mental ajudou-me imenso. São os Jogos Olímpicos, é algo muito importante. No fim do dia não queremos acabar a sair de maca", explicou.

Biles desistiu da competição após somar 13.766 pontos, o valor mais baixo de sempre da sua carreira olímpica, tendo regressado à arena apenas para apoiar as suas colegas na final frente à Rússia. A atleta ainda cumpriu uma parte da prova, mas não fez a manobra que se esperava e falhou a aterragem, algo invulgar para a ginasta.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG