O Jogo ao Vivo

Tóquio 2020

Simone Biles fora da final de equipas de ginástica. Rússia conquista ouro

Simone Biles fora da final de equipas de ginástica. Rússia conquista ouro

Simone Biles, a norte-americana considerada a melhor ginasta de sempre e líder de uma equipa à procura da terceira medalha de ouro seguida em Jogos Olímpicos, foi retirada "devido a um problema médico". O abandono acabou por custar o título olímpico, que foi, pela primeira vez em mais de dez anos, para a Rússia.

A atleta ainda começou a prova, no salto, mas, surpreendentemente não fez a manobra esperada e acabou por falhar a aterragem, um erro raríssimo na estrela da ginástica e uma das atletas mais importantes a competir nos Jogos.

Biles, de 24 anos, ausentou-se depois por momentos, acompanhada pelo médico da seleção dos Estados Unidos, regressando algum tempo depois para abraçar as colegas Grace McCallum, Sunisa Lee e Jordan Chiles.

Num comunicado oficial emitido minutos depois, a equipa de Ginástica informou que Simone "foi retirada da equipa devido a um problema médico", que não especificou. A sua condição física será "avaliada diariamente para que seja determinada uma autorização médica para competições futuras", acrescentou a equipa, citada pelo "The New York Times".

Pouco depois, a ginasta confirmou que se tratou de um problema de saúde mental.

Biles ainda estará inscrita na competição individual., onde está qualificada para cinco finais. Nos Jogos do Rio de Janeiro, da medalha de ouro por equipas, conquistou também os títulos olímpicos no concurso completo e em dois aparelhos (salto e solo).

O abandono da lenda da ginástica acabou por abrir a porta às principais rivais, que acabaram por conquistar um título que lhes fugia há 29 anos.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG