Aviação

Plano de voo: TAP com 247 ligações semanais em julho

Plano de voo: TAP com 247 ligações semanais em julho

O plano de voo da TAP para os próximos dois meses prevê chegar a 27 frequências semanais em junho e 247 em julho, um valor que representa cerca de 8% das três mil frequências que operava na mesma altura, há um ano.

A maioria dos voos que vão ser retomados nos próximos dois meses partem de Lisboa (11 destinos em julho, 42 em julho), ficando a operação no Porto limitada às ligações para Paris, Luxemburgo e Madeira (Funchal), apenas em julho (com um total de sete frequências).

"A reposição em julho de voos a partir do aeroporto Francisco Sá Carneiro para Paris, Luxemburgo e Madeira, incide justamente nas ligações onde a procura o justifica. Não existe ainda procura suficiente, à partida do Porto, para a reposição de qualquer outra rota", referiu, ao JN, fonte da TAP.

Retomada a 18 de maio, com três voos por semana, em vez de 91, a ponte aérea entre Lisboa e Porto (operada a partir de Lisboa) será aumentada apenas em julho, com um aumento para 21 frequências semanais.

As ligações da TAP ao Brasil estiveram entre as primeiras a recomeçar, a 18 de maio, com dois voos por semana de Lisboa para S. Paulo e um para o Rio de Janeiro, mas vão aumentar, em julho, com mais frequências para S. Paulo (três) e retoma das ligações para Recife (dois por semana) e para Fortaleza (um por semana).

A operação para a América do Norte arranca timidamente, a 1 de junho, de Lisboa para os EUA (Newark, dois voos por semana), mas vai acelerar em julho com destino a Boston (dois por semana), Toronto (um semanal) e Miami (duas frequências). Em julho, torna a haver voos de Ponta Delgada para Boston (três por semana) e Toronto (dois).

Quanto à Europa, a maioria da operação a partir de Lisboa retoma em julho: Zurique, Frankfurt, Hamburgo, Berlim, Dublin, Nice, Lyon, Amsterdão, Madrid, Barcelona, Sevilha, Málaga, Luxemburgo, Estocolmo, Copenhaga, Milão e Roma. Londres e Paris.