Tribunal

Prisão preventiva para suspeito de agressão fatal de estudante no Porto

Prisão preventiva para suspeito de agressão fatal de estudante no Porto

O cidadão francês, detido por ter agredido um estudante, perto de uma discoteca na Baixa do Porto, vai aguardar julgamento em prisão preventiva.

A medida de coação foi decretada pelo Tribunal de Instrução Criminal, esta segunda-feira à noite.

Na madrugada de domingo, o jovem levou um soco e caiu inanimado.

A PSP deteve e entregou à Polícia Judiciária (PJ) o suspeito, de nacionalidade francesa, de ter agredido a vítima, de 23 anos, Paulo Correia.

As informações recolhidas não permitiram apurar quem cometeu a primeira agressão física. Certo é que o português levou um soco que o fez cair e bater com a cabeça, ao que tudo indica no chão, com violência.

PUB

O português foi levado para o Hospital de Santo António, no Porto, em estado grave. A confirmação da morte chegou esta segunda-feira ao início da tarde.

Paulo Correia jogou basquetebol no Guifões Sport Clube, de Matosinhos, que esta segunda-feira lhe prestou homenagem na sua página de Facebook.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG