Exclusivo

Amnistia pede a Portugal ajuda para família de ucraniano morto no aeroporto

Amnistia pede a Portugal ajuda para família de ucraniano morto no aeroporto

A Amnistia Internacional Portugal pede ao Governo que ajude a família de Ihor Homeniuk, cidadão ucraniano morto no aeroporto de Lisboa por inspetores do SEF, a sair da Ucrânia perante o conflito vivido no país. A organização de defesa dos direitos humanos enviou, esta quarta-feira, uma carta endereçada aos ministérios dos Negócios Estrangeiros e da Administração Interna.

Na carta endereçada a Francisca Van Dunem, a que o JN teve acesso, a Amnistia Internacional Portugal informa o Governo que teve conhecimento de que a família de Ihor Homeniuk pretende sair da Ucrânia e pede que Portugal seja uma alternativa para receber a família.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG