PJ

Detido familiar suspeito de matar homem com tiro na cabeça em Boticas

Detido familiar suspeito de matar homem com tiro na cabeça em Boticas

Um homem foi encontrado sem vida em casa e com ferimentos na cabeça em Cerdedo, concelho de Boticas. O caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária.

Manuel Pereira, de 48 anos e natural de Montalegre, foi encontrado morto, ao início da manhã deste domingo, com lesões na cabeça, no interior de uma habitação da localidade de Cerdedo, no concelho de Boticas, distrito de Vila Real.

Ainda durante o dia deste domingo, a Polícia Judiciária de Vila Real veio a deter um homem, que é familiar da vítima mortal e o proprietário da casa, por indícios de que foi o autor do homicídio.

Com efeito, segundo as informações recolhidas pelo JN, a Polícia Judiciária suspeita de que Manuel Pereira foi assassinado pelo próprio cunhado, por razões ainda por apurar.

Sem sinais de luta

A GNR local recebeu o alerta para o caso por volta das 7.40 horas deste domingo. Terá sido uma terceira pessoa a dar com o corpo e a telefonar. Fonte da Guarda disse à Lusa que "a vítima estava prostrada na cama, com escoriações na cabeça".

Ao JN, outra fonte informou que eram visíveis várias perfurações na cabeça do homem, típicas de projéteis de arma de fogo. Na mesma zona da casa, também foi encontrada uma marreta, mas as informações obtidas pelo JN apontaram para a hipótese de o crime ter sido cometido com recurso a uma arma de fogo.

PUB

Manuel Pereira, a vítima mortal, é um emigrante em França que, recentemente, se terá zangado com a mulher e decidiu vir passar uns tempos a Portugal. Nesta estadia, que duraria há algumas semanas, terá sido assassinado pelo próprio irmão da mulher de quem se separou.

Ainda segundo apurou o JN, na análise que a Polícia Judiciária fez ao local do crime, não encontrou sinais que indicassem que os dois cunhados lutaram antes de um deles assassinar o outro.

Entretanto, o suspeito deverá ser presente a primeiro interrogatório judicial, para aplicação de eventuais medidas de coação, ainda durante o dia desta segunda-feira, ou apenas na terça-feira.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG