Exclusivo

Itália homenageou o juiz português dos "direitos humanos"

Itália homenageou o juiz português dos "direitos humanos"

Paulo Pinto de Albuquerque é o primeiro jurista de Portugal a ser distinguido pelo trabalho de nove anos no Tribunal Europeu dos Direitos Humanos

Paulo Pinto de Albuquerque tornou-se o primeiro jurista português a merecer uma homenagem em Itália. O tributo, justificado pelo trabalho de nove anos como juiz do Tribunal Europeu dos Direitos Humanos (TEDH), ocorreu na semana passada e foi promovido pelas universidades de Milão e de Florença, na forma de um livro inspirado na Convenção Europeia dos Direitos Humanos. Mais de 55 magistrados, entre os quais o ex-presidente do TEDH, Guido Raimondi, fizeram questão de contribuir para a "Europa Humana - Escritos em homenagem a Paulo Pinto de Albuquerque".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG