Acidente

Porsche embate em ponte móvel de Matosinhos e faz dois mortos e quatro feridos

Porsche embate em ponte móvel de Matosinhos e faz dois mortos e quatro feridos

Um carro colidiu com um pilar da ponte móvel de Leça da Palmeira esta quarta-feira de manhã, provocando dois mortos e quatro feridos, dois dos quais graves.

O veículo envolvido no sinistro, um Porsche Cayenne Hybrid, matriculado no ano passado, despistou-se e embateu num poste de eletricidade, colidindo depois com um pilar por baixo da ponte móvel, do lado de Leça, acabando por se incendiar e ficar totalmente destruído.

No carro, seguiam o condutor, que residiria perto do local do acidente, que sobreviveu à colisão, e mais quatro ocupantes, entre os quais as duas vítimas mortais, cujos corpos ficaram carbonizados. São dois jovens, uma mulher e um homem.

Os feridos, dois graves e dois ligeiros, foram transportados para os hospitais de S. João, Santo António e Pedro Hispano, confirmou no local o comandante dos bombeiros de Matosinhos/Leça, António Amaral. Além dos ocupantes, o quarto ferido é um agente da PSP que estava de férias e que ficou com queimaduras nas mãos ao retirar o condutor do carro.

O incidente ocorreu cerca das 6 horas, apurou o JN junto da PSP. Ao local, acorreram 17 veículos e 40 operacionais dos bombeiros (Matosinhos/Leça, Leixões e S. Mamede Infesta), INEM e PSP.

PUB

Vítimas são do Grande Porto

Pedro Catão, de Leça da Palmeira, condutor do Porsche, sobreviveu à colisão. Foi retirado do carro pelo agente da PSP, confirmou fonte daquela força de segurança.

Luís Alonso, de 19 anos, também residente em Leça, seguia no carro acidentado. Está em coma induzido, segundo apurou o JN.

Sebastião Furtado, professor na escola de surf Onda Pura, em Matosinhos, também ficou ferido no acidente. Poderá ter alta médica ainda hoje.

Sofia Alves Pereira, estudante do IPAM, no Porto, é uma das duas vítimas mortais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG