Exclusivo

Autarcas vão pedir a António Costa recolher obrigatório no Grande Porto

Autarcas vão pedir a António Costa recolher obrigatório no Grande Porto

O presidente da Comissão Distrital da Proteção Civil do Porto, Marco Martins, vai pedir a António Costa que decrete o recolher obrigatório no distrito. O secretário de Estado Eduardo Pinheiro, também responsável pela coordenação da situação de calamidade na Região Norte, admite mais medidas restritivas para "reduzir a taxa crescente dos casos". Matosinhos aprovou ontem o fecho dos centros comerciais a partir das 21 horas. O Porto deve anunciar hoje medidas.

"Acredito que vai haver mais medidas restritivas tendo em conta o volume de novos casos. Vão certamente acontecer, agora os termos teremos que aguardar. Não podemos pôr em causa a saúde pública", assume ao JN Eduardo Pinheiro, na véspera de um Conselho de Ministros. Caso contrário, "será impossível dar resposta".

Para Marco Martins, "é inevitável" a aprovação de mais medidas restritivas que não são tão eficazes quando aprovadas apenas para um concelho. O recolher obrigatório, considera, "é a medida mais sensata" e que terá menor impacto na economia. O objetivo é reduzir as "festas, convívios familiares ou os ajuntamentos na via pública por jovens que depois infetam pais e avós".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG