Segurança

Governo autoriza concurso para instalação de mais 50 radares

Governo autoriza concurso para instalação de mais 50 radares

Vão ser instalados mais 50 locais de controlo de velocidade, equipados rotativamente com 30 novos radares. Investimento custa 8,5 milhões de euros.

O Ministério da Administração Interna (MAI) anunciou esta sexta-feira a ampliação do número de postos de controlo de velocidade no âmbito do Sistema Nacional de controlo de Velocidade (SINCRO). A medida foi aprovada na quinta-feira em Conselho de Ministros.

A tutela explica que serão instalados 50 locais de controlo de velocidade - 30 de velocidade instantânea e 20 para medir a velocidade média entre dois pontos, que vão permitir aumentar os locais de fiscalização de 70 para 110.

Os novos 50 postos de controlo, espalhados pelo país, vão ser equipados rotativamente com 30 novos radares (20 medem a velocidade instantânea e 10 a velocidade média entre dois pontos), que fazem subir o número destes equipamentos de 40 para 70.

A Estrada Nacional (EN) 106, em Penafiel, a EN109, em Bom Sucesso, e o IC19, em Sintra, são três dos locais escolhidos para receber os novos equipamentos.

Em comunicado, a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) sublinha que este reforço "vai permitir um significativo aumento dos níveis de dissuasão no incumprimento dos limites de velocidade e consequentemente na redução da sinistralidade rodoviária".

Para a sua instalação será lançado um concurso público que terá um prazo de execução de cinco anos. O investimento, que inclui a manutenção dos equipamentos, é superior a 8,5 milhões de euros.

O concurso deveria ter sido lançado em julho de 2019. Mas a falta de dados, como a escolha de alguns dos locais que vão receber os equipamentos, estiveram na origem da demora.

A medida integra-se no Plano Estratégico Nacional de Segurança Rodoviária (PENSE).

Outras Notícias