Pandemia

Governo prepara desconfinamento mas quer evitar "pressões" e "precipitações"

Governo prepara desconfinamento mas quer evitar "pressões" e "precipitações"

O secretário-geral adjunto do PS revelou que o Governo já está "a preparar o plano de desconfinamento". No entanto, avisou ser necessário evitar que as "pressões" para reabrir rapidamente o país "conduzam a precipitações".

"O Governo está a preparar o plano de desconfinamento com as autoridades de saúde, observando os indicadores, procurando verificar se eles se consolidam e extraindo conclusões tão sólidas quanto possível, para decidir sem precipitações", afirmou José Luís Carneiro, esta quarta-feira, após uma audiência por videoconferência com o presidente da República.

Na opinião do socialista, "os portugueses têm vindo a fazer grandes sacrifícios e não podemos deitá-los por terra" reabrindo o país depressa demais. Nesse sentido, é necessário peparar o desconfinamento "com toda a ponderação".

Para que a reabertura aconteça, Portugal tem de garantir, entre outros fatores, uma "capacidade de resposta eficaz" não só aos doentes covid mas, também, aos não covid, sublinhou.

Sobre os críticos que acusam o Governo de estar a demorar a traçar um plano para o desconfinamento, o dirigente do PS recordou que, "há umas semanas, estavam a exigir o rápido confinamento".

Carneiro explicou ainda que os socialistas e o Executivo querem que o processo decorra "de forma segura e em condições de suscitar confiança por parte dos cidadãos e das instituições".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG