Legislativas

Imprensa internacional destaca maioria absoluta do PS e subida da extrema-direita

Imprensa internacional destaca maioria absoluta do PS e subida da extrema-direita

A imprensa internacional destacou a vitória com maioria absoluta do PS, dizendo que o partido de António Costa "consolidou o seu domínio", e o crescimento da extrema-direita no parlamento português.

O PS venceu as eleições legislativas de domingo com maioria absoluta com 41,6% e 117 deputados, segundo os resultados provisórios da Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna.

A agência de notícias espanhola Efe escreveu que o PS "consolidou este domingo o seu domínio em Portugal", tendo ainda salientado que "nenhuma das sondagens das últimas semanas mostrou sequer um resultado semelhante, nem sequer acertaram na taxa da abstenção".

Já o "El País" apontou: "eleitores punem severamente os parceiros minoritários da geringonça", destacando ainda a conversão "da extrema-direita na terceira força parlamentar".

Também o "El Mundo" sublinhou a "maioria absoluta histórica" que permitirá a Costa "governar sem oposição interna", apontando que o PS "eliminou os seus rivais do Bloco de Esquerda" -- que passou de 19 para cinco deputados.

Em França, o "Le Monde" abordou também a "clara vitória" dos socialistas, assim como o crescimento do Chega, que elegeu 12 deputados, notando a existência de um grupo parlamentar de extrema-direita "pela primeira vez desde a queda da ditadura, em 1974".

PUB

A agência France-Presse (AFP) assinalou, de igual forma, que o primeiro-ministro "obteve uma improvável maioria absoluta numa votação que também assistiu a um avanço por parte da extrema-direita".

Os britânicos "The Guardian" e o económico "Financial Times" destacaram a "surpreendente maioria absoluta", sublinhando a "adesão mais alta que o esperado apesar da pandemia da covid-19", enquanto o "Politico" falou numa "vitória estonteante".

Em Itália, o "Corriere Dela Sera" escreveu que Costa "ganhou a aposta" e que o primeiro-ministro "vai para um 'hat-trick'", e regista que, "preocupantemente, a extrema-direita saltou de um" para mais de dez deputados.

Também o jornal alemão "Suddeutsche Zeitung" destaca a vitória do PS de António Costa, assim como a "desilusão" na "noite eleitoral de Rui Rio".

No Brasil, O Globo enalteceu a "vitória contundente" do PS, com um resultado maior "que o previsto nas pesquisas pré-eleitorais".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG