Exclusivo

Medicamentos reaproveitados vão tratar doentes com cancro

Medicamentos reaproveitados vão tratar doentes com cancro

Primeira Cátedra de Inovação em Oncologia já pediu autorização para avançar com ensaio clínico em doentes do IPO Porto. Projeto visa acelerar investigação no tratamento do cancro.

Promovida pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), a primeira Cátedra Convidada de Inovação em Oncologia do país está focada no reaproveitamento de fármacos para tratamento do cancro. Que, conjugados com os medicamentos de referência para Oncologia, aumentam a eficácia na destruição de células tumorais. À Comissão de Ética foi já pedida autorização para avançar com um ensaio clínico em 500 doentes do IPO do Porto.

Lançada em julho passado, a Cátedra tem suporte no OncoPharma, grupo de investigação em Farmacoterapêutica Oncológica do CINTESIS/FMUP, ambos liderados e criados por Nuno Vale. Sendo financiada pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) e pela Janssen em 330 mil euros. No total, conta com uma equipa de 15 investigadores, três dos quais bolseiros contratados no ano passado.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG