Covid-19

Passageiro de Portugal é primeiro caso de Delta Plus na Dinamarca

Passageiro de Portugal é primeiro caso de Delta Plus na Dinamarca

A Dinamarca identificou, este sábado, o primeiro caso da variante Delta Plus, considerada mais infeciosa do que a original. Trata-se de um passageiro que chegou ao país de avião, proveniente de Portugal.

De acordo com um comunicado do Statens Serum Institut (instituto dinamarquês de prevenção de doenças infecciosas), foi detetado um caso positivo de covid-19 num passageiro proveniente de Portugal a 21 de junho de 2021. Na sequência do "subsequente sequenciamento de todo o genoma" realizado pelas autoridades de saúde, no sentido de perceber qual a variante presente, foi detetada, na sexta-feira, a variante Delta Plus.

Os passageiros que viajaram com o cidadão em causa a bordo do avião serão agora contactados e alertados para que se mantenham em isolamento até esclarecer se estão ou não infetados. Até agora, nenhuma destas pessoas deu positivo para a variante em causa, informa o comunicado do instituto.

A variante Delta Plus foi originalmente detetada na Índia e motivou um alerta das autoridades do país, onde há pelo menos 48 casos identificados. É ainda mais contagiosa e, por isso, mais preocupante, que a original, a variante Delta do Sars-CoV2, que, no caso de Portugal, já é dominante na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG