Covid-19

Vacina da AstraZeneca recomendada para todos. Professores e não docentes têm prioridade

Vacina da AstraZeneca recomendada para todos. Professores e não docentes têm prioridade

Professores e pessoal não-docente dos estabelecimentos de ensino e educação e das respostas sociais de apoio à infância vão ter prioridade na vacinação contra a covid-19, revelou, esta quarta-feira, a Direção-Geral da Saúde. Neste grupo, estão incluídos os setores público, privado, social e cooperativo.

No mesmo texto, a DGS revela que atualizou a norma relativa à vacina contra a ​​​​​​​covid-19 da AstraZeneca, de forma a permitir a sua utilização sem reservas a partir dos 18 anos, dada a sua "segurança, qualidade e eficácia comprovadas, tal como foi aprovado pela Agência Europeia de Medicamentos".

"Os novos estudos conhecidos mostraram agora, com base em metodologias científicas robustas, que a vacina da AstraZeneca é eficaz em indivíduos com 70 ou mais anos, quer na prevenção da covid-19, quer na redução das hospitalizações por esta doença, reforçando os dados iniciais de que esta vacina é capaz de produzir anticorpos eficazes no combate à infeção por SARS-CoV-2, mesmo em pessoas mais velhas", afirma a DGS em nota de imprensa.

No mesmo texto, indica-se que as pessoas com trissomia 21 serão incluídas na primeira fase do plano de vacinação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG