Futebol

Álvaro Pacheco promete regressar ao Vizela

Álvaro Pacheco promete regressar ao Vizela

O treinador de futebol Álvaro Pacheco foi homenageado pela Câmara Municipal de Vizela, esta quinta-feira, e prometeu voltar ao clube da cidade, do qual foi recentemente demitido, ao fim três anos e meio e duas subidas até ao escalão principal.

A cerimónia de homenagem ao técnico pelos bons serviços prestados à coletividade desportiva mais representativa do concelho foi aberta ao público e contou com dezenas de adeptos do Vizela, toda a equipa e respetivos técnicos, além de antigos dirigentes e vários elementos com ligação ao clube minhoto.

"Não tenho dúvidas de que irei regressar. A forma como o Vizela me adotou, a ligação umbilical que se criou entre o clube, a cidade e os adeptos, tudo isso leva-me a acreditar que um dia voltarei", começou por dizer o ex-treinador do Vizela, visivelmente emocionado.

PUB

Álvaro Pacheco revelou-se grato pela passagem pelo clube e fez alguns agradecimentos.

"Agradeço este momento, que muito me emocionou, a todos os vizelenses e, sobretudo, ao presidente da câmara, Victor Salgado. Isto é um até já, pois serei sempre vizelense", acrescentou ainda.

Os jogadores, que também estiveram presentes, também ouviram umas palavras do antigo treinador.

"Aos meus jogadores, e estão aqui todos, mas não só estes, também aqueles que estiveram connosco desde o CNS [Campeonato Nacional de Seniores]. Isto orgulha-me muito. Mais importante do que as vitórias, para mim é o legado, são os valores que tentei sempre transmitir-vos. Ser exigente, ser chato, não ser fácil de aturar, mas o meu objetivo foi sempre preparar-vos para o futuro. Também como homens. Foi o que o meu pai me passou e foi o que tentei passar-vos", disse.

O Vizela, que ocupa agora o 13.º lugar da I Liga portuguesa de futebol, demitiu Álvaro Pacheco, tendo Tulipa, que era o técnico da equipa sub-23, ocupado o lugar.

Álvaro Pacheco chegou ao Vizela em 2019/20, na altura no Campeonato de Portugal e conseguiu subir à II Liga e à I Liga de forma consecutiva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG