Andebol

Diretor do Sporting acusa benfiquistas de imitarem som de very light

Diretor do Sporting acusa benfiquistas de imitarem som de very light

Nuno Saraiva, diretor de Comunicação dos leões, acusou a claque benfiquista de imitar sons de um very light.

Nuno Saraiva, diretor de comunicação do Sporting, usou o Facebook para denunciar o comportamento dos adeptos do Benfica durante o jogo de futsal, deste sábado, no Pavilhão da Luz.

"Durante o dérbi de futsal, a tal claque que não existe mas que beneficia de apoio total por parte da direcção do clube a que pertence, brindou-nos com mais uma exibição de desumanidade canalha e de falta de respeito pelo ser humano. A dada altura, decidiram imitar, bem afinados o que prova premeditação, o som de um very light, repetindo aquilo que fazem desde 1996 com total impunidade, desrespeitando a memória do Rui Mendes, o adepto do Sporting Clube de Portugal assassinado na final da Taça de Portugal, no Jamor", escreveu Nuno Saraiva, antes de pedir reações "às virgens ofendidas".

"Onde estão agora as virgens ofendidas que rasgaram as vestes com o mau gosto dos Super Dragões? Onde está a comunicação social que se apressou a fazer alarido quando o visado era o Benfica? Onde está a Direção do clube perante tamanha indignidade e falta de decência? Onde está a justiça desportiva e o Ministério Público? E depois ofendem-se quando se denuncia a subserviência", criticou o diretor de comunicação.