Tribunal

Caução de 80 mil euros garante liberdade a ex-líder de gangue de Valbom

Caução de 80 mil euros garante liberdade a ex-líder de gangue de Valbom

Hélder Bianchi, o líder do extinto gangue de Valbom detido na sexta-feira por suspeitas tráfico de droga, um dia depois de ter sido detido e depois libertado por causa de outro inquérito, ficou em liberdade.

O líder do antigo gangue de Valbom capturado na quinta-feira em Braga pela Polícia Judiciária (PJ) do Porto por causa de um inquérito sobre tentativas de homicídio e assaltos a negociantes de ouro foi libertado na sexta-feira pelo tribunal, sujeito a apresentações diárias. Porém, no mesmo dia, foi novamente detido por inspetores da luta contra o tráfico de droga. Ouvido este sábado por um juiz, por suspeitas de estar envolvido no tráfico internacional de centenas de quilos de haxixe, Bianchi foi colocado em liberdade.

PUB

As medidas de coação aplicadas foram apresentações bissemanais, prestação de 80 mil euros de caução, proibição de contactos e proibição de se ausentar do país.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG