Albufeira

Mulher detida por violar confinamento no Algarve

Mulher detida por violar confinamento no Algarve

Uma mulher, de 43 anos, foi detida, esta segunda-feira, em Olhos de Água, no concelho de Albufeira, por ter violado o confinamento obrigatório a que estava sujeita no âmbito da pandemia de Covid-19.

A mulher circulava na via pública quando foi intercetada pela GNR durante uma ação de patrulhamento.

Segundo o JN apurou, estava em isolamento profilático por ter tido contacto com um infetado. Foi reconhecida pela patrulha que tinha como missão fiscalizar o cumprimento da medida imposta pela Autoridade de Saúde local.

Os militares reconheceram-na, uma vez que já tinham ido a sua casa anteriormente para verificar se estava a cumprir o isolamento profilático. Como não tinha motivo válido para se ausentar de casa, acabou detida.

"No decorrer de uma ação de patrulhamento para a verificação do dever de confinamento obrigatório, os militares intercetaram a suspeita a circular na via pública, tendo sida conduzida, de imediato, para a sua residência", explica a GNR, em comunicado. A suspeita foi constituída arguida e detida "por violação do confinamento obrigatório a que estava sujeita" e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Albufeira.</p>

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG