O Jogo ao Vivo

Assaltos

Prisão preventiva para casal português de assaltantes detido em Espanha

Prisão preventiva para casal português de assaltantes detido em Espanha

Sidney Martins e Nélida Guerreiro, o casal detido por assaltos violentos em Espanha e que é suspeito de ter assassinado a família de Donai, em Bragança, além de atacar várias bombas de gasolina no Algarve, foi colocado em prisão preventiva pelo Tribunal de Audiência Nacional, em Madrid.

A eventual extradição para Portugal deve ser decidida nos próximos dias pelas autoridades judicias espanholas.

PUB

O casal saiu esta terça-feira de manhã dos calabouços da Polícia Nacional de Zamora, onde foi detido no sábado, após ter sido reconhecido por um cidadão que chamou a polícia, quando o viu a pedir comida num McDonald"s do Centro Comercial Valderaduey.

O casal foi capturado quando comia hambúrgueres no carro, que tinha sido roubado pelo método de carjacking, nos arredores de Madrid, dias antes. Não ofereceram resistência, apesar de estar na posse de uma pistola e de uma faca de grandes dimensões.

Foi o término de um périplo de pelo menos dez assaltos violentos, em Portugal e Espanha, que lhes valeu a alcunha de "Bonnie and Clyde", o famoso casal de assaltantes imortalizado no cinema.

Em Portugal, na região do Algarve, terão assaltado quatro estações de serviço e seguiram para Espanha, onde perpetraram outros tantos assaltos em Sevilla, Badajoz (dois) e Toledo. Em Madrid, roubaram um carro e regressaram a Portugal para roubar umas bombas, na A23, na zona do Fundão.

Regressaram a Espanha, onde acabaram detidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG