Cerca de duas mil pessoas reuniram-se, este sábado, em Bragança, para homenagear Luís Giovani, morto após uma rixa naquela cidade. Pedem paz e união e condenam "ato bárbaro" que aconteceu com o estudante africano.

Homenagem

Em Bragança o silêncio pede paz depois da morte de Giovani

Em Bragança o silêncio pede paz depois da morte de Giovani

Também em Lisboa, uma vigília de homenagem, em silêncio, reuniu centenas de pessoas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG