Imagens

Últimas

Exclusivo

Combate ao fogo na serra da Estrela na mira das críticas

Com o incêndio na serra da Estrela - incluindo no coração do Parque Natural - a entrar sem freio no sexto dia, há críticas às operações, mas também compreensão face às condições propícias à imparável progressão das chamas devido às mudanças climáticas. Ontem, cinco bombeiros ficaram feridos após um capotamento em Celorico da Beira e ficou a saber-se que aviões de combate a incêndios ficaram em terra durante 17 dias, justificando as críticas ao combate aos fogos.