Boletim

Menos internados e casos ativos em dia com seis mortes por covid

Menos internados e casos ativos em dia com seis mortes por covid

Portugal regista, esta sexta-feira, 1822 novos casos e seis mortes associadas à covid-19. Há menos 14 pessoas internadas. O R(t) baixou para 0,96 e a incidência para 295,5 casos.

Desde o início da pandemia em Portugal, em março de 2020, a Direção-Geral da Saúde (DGS) registou um total de 1 044 144 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 e 17 772 mortes associadas à doença covid-19. Até hoje, já recuperaram 983 063 pessoas, 2464 das quais nas últimas 24 horas.

Em comparação com o boletim de ontem, o número de novos casos é ligeiramente inferior - 1822 hoje e 1982 na quinta-feira (menos 160) -, e há menos três mortes - seis óbitos hoje e nove na quinta-feira. Já o número de internados volta a descer, depois de ter subido no dia anterior: ontem havia mais 14 doentes em enfermaria e hoje são menos 14, sendo que o total baixou dos 695 para 681. Nas unidades de cuidados intensivos, há menos quatro pessoas internadas, baixando o total para 136.

De acordo com o boletim epidemiológico desta sexta-feira, o Norte é a região com maior número de novas infeções, com mais 630. Seguem-se Lisboa e Vale do Tejo (mais 586), Centro (297), Algarve (205), Alentejo (90), Madeira (13) e Açores (uma).

As seis mortes - quatro homens e duas mulheres com mais de 60 anos - ocorreram nas regiões do Centro (três), Lisboa e Vale do Tejo (dois) e Norte (uma). No total, já morreram 9323 homens e 8449 mulheres com a doença desde o início da pandemia.

Há ainda a assinalar a descida do número de casos ativos - são menos 648, num total de 43 309 - e dos contactos em vigilância - menos 533, num total de 43 520.

PUB

Menos novos casos, menos óbitos e menos doentes em cuidados intensivos numa semana

Se compararmos os dados de hoje com os de sexta-feira passada, 27 de agosto, há uma grande diminuição de novos casos: na semana passada foram registadas 2370 infeções - mais 548 do que hoje. O número de novos óbitos também foi menor esta semana: 14 mortes na passada sexta-feira, mais oito do que hoje.

Em relação às hospitalizações, há mais internados em enfermaria esta semana, mas menos nos cuidados intensivos - na passada sexta-feira havia 675 internados, enquanto hoje são mais seis. Nas unidades de cuidados intensivos, o total baixou dos 144 para 136 numa semana. O número de casos ativos baixou consideravelmente na última semana, de 45 426 para 43 309.

Quanto à matriz de risco, atualizada esta sexta-feira, revela que a incidência baixou de 303,5 para 295,5 casos de infeção por 100 mil habitantes, a nível nacional, e de 310,2 para 302,6 se considerado apenas o continente. O índice de transmissão, R(t), baixou de 0,98 para 0,96 a nível nacional e de 0,99 para 0,97 no continente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG